Ir direto para menu de acessibilidade.
    Você está aqui:
  1. Página inicial
Início do conteúdo da página

Gestão do SUS

Os princípios e diretrizes do SUS, dispostos na Constituição Federal e na Lei nº 8.080 de 19 de setembro de1990, estabelecem que a gestão do Sistema Único de Saúde (SUS) seja fundamentada na distribuição de competências entre a União, os estados e os municípios.

Dessa forma, cabe às três esferas de governo, de maneira conjunta, definir mecanismos de controle e avaliação dos serviços de saúde, monitorar o nível de saúde da população, gerenciar e aplicar os recursos orçamentários e financeiros, definir políticas de recursos humanos, realizar o planejamento de curto e médio prazo e promover a articulação de políticas de saúde, entre outras ações.

Os gestores do SUS ficam assim responsáveis por executar a política de saúde de maneira a garantir a toda a população o pleno usufruto do direito à saúde.

Em destaques

ARTICULAÇÃO

Comissões Intergestores

Foros de articulação e decisão entre os gestores do SUS para construção de pactos nacionais, estaduais e regionais.

EFICIÊNCIA

Economia da Saúde

Saiba como a Economia da Saúde (ECOS) busca o uso racional e eficiente dos recursos públicos, a partir de informações econômicas. 

 

PREVISÃO QUADRIENAL

Plano Nacional de Saúde

Conheça o instrumento norteador do planejamento das políticas e dos compromissos de médio prazo no SUS: o PNS.

 

OTIMIZAÇÃO DOS RECURSOS

Programação Assistencial

Veja como são definidos os quantitativos físicos e financeiros dos serviços de saúde após a pactuação entre os gestores estaduais e municipais.

Alocação de Recursos

SOMASUS

É um sistema de consulta online, relacionado aos aspectos da estrutura física dos Estabelecimentos Assistenciais de Saúde

Fim do conteúdo da página