Ir direto para menu de acessibilidade.
    Você está aqui:
  1. Página inicial
  2. >
  3. Gestão do SUS
  4. >
  5. Economia da Saúde
  6. >
  7. Alocação de Recursos
  8. >
  9. SOMASUS – Sistema de Apoio à Elaboração de Projetos de Investimentos em Saúde
Início do conteúdo da página

SOMASUS na alocação de recursos

Escrito por Alessandra Bernardes | Publicado: Quarta, 19 de Julho de 2017, 11h08 | Última atualização em Quarta, 27 de Dezembro de 2017, 16h12

Deficiências e problemas na saúde pública brasileira são velhos conhecidos, especialmente os de infraestrutura. Quando se planejam novas construções, reformas ou ampliações, planejar um investimento deve englobar um planejamento integrado, considerando características da população atendida, da demanda regional, do perfil epidemiológico e dos recursos (humanos, financeiros) – sempre, claro, em conformidade com a legislação técnica vigente e aplicável, a viabilidade e a sustentabilidade.

Alocar recursos físicos e tecnológicos em saúde deve refletir uma capacidade de distribuição que considera a equidade, a humanização, a eficiência, a sustentabilidade e a viabilidade técnica no Sistema Único de Saúde (SUS). Na medida em que a gestão destes recursos é aprimorada e o acesso é garantido, chega-se o mais próximo possível a uma qualidade satisfatória dos serviços de saúde prestados aos cidadãos.

Fundamentais na fase de planejamento, estas características devem estar presentes nos projetos de investimento encaminhados ao Ministério da Saúde, o que implica na necessidade de desenvolver mecanismos que auxiliem os gestores na tomada de decisões e na consequente ampliação da oferta de saúde à população.

Pensando nisso, em 2004 o Ministério da Saúde desenvolveu um protótipo do que viria a se tornar o Sistema de Apoio à Elaboração de Projetos de Investimentos em Saúde (SomaSUS), subsidiando tecnicamente os gestores e profissionais na área da saúde e permitindo a realização de consultas sobre aspectos relacionados à estrutura física dos estabelecimentos assistenciais de saúde.

Com potencial estratégico, o SomaSUS é uma ferramenta que auxilia a elaboração de projetos de investimentos de infraestrutura física e tecnológica em saúde, facilitando a gestão, a organização da saúde e, ainda, colaborando para a promoção de uma assistência humanizada e de qualidade à população. Além disso, possibilita a classificação dos estabelecimentos assistenciais de saúde (EAS) por ambientes e serviços, visando a elaboração de projetos mais condizentes com as atividades desenvolvidas e, portanto, mais efetivos e eficientes com a rede assistencial adotada.

Qualquer cidadão pode acessar todo o conteúdo do sistema, com a possibilidade de downloads gratuitos dos materiais técnicos de seu interesse.

O SOMASUS OFERECE:

  • Características ambientais dos espaços e equipamentos, a partir da tipologia do EAS;
  • Leiautes, dimensões com descrição da infraestrutura necessária e recomendada pelo Ministério da Saúde;
  • Fluxogramas de todos os ambientes, com relação físico-funcional de ambientes adjacentes;
  • Tipos e quantidades de equipamentos, mobiliários e materiais permanentes, listados por ambiente;
  • Referências bibliográficas de normas relativas à infraestrutura de EAS;
  • Fichas técnicas de equipamentos, mobiliários e materiais permanentes, com as características técnicas mínimas;
  • Informações sobre adequação dos serviços de saúde às normas ambientais, voltadas para o tratamento e disposição final de resíduos de saúde.

Acesse aqui o SOMASUS

 

 

Veja também

Pesquisa de Satisfação do Usuário
Biblioteca Virtual em Saúde – Arquitetura e Engenharia em Saúde
Biblioteca Virtual em Saúde – Economia da Saúde
Cartilha para Apresentação de Propostas ao Ministério da Saúde
PROCOT/SIGEM
SISMOB

registrado em:
Fim do conteúdo da página