Ir direto para menu de acessibilidade.

Banner MosquitoNao 960x100px

Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Agência Saúde > Ministério da Saúde destina R$ 85 milhões para construção de UBS Fluviais em estados da Amazônia Legal
Início do conteúdo da página

Ministério da Saúde destina R$ 85 milhões para construção de UBS Fluviais em estados da Amazônia Legal

Publicado: Quarta, 03 de Janeiro de 2018, 16h43

Verba é destinada a 46 municípios e servirá para ampliar o acesso da população ribeirinha a procedimentos, como consultas médicas e atendimentos de saúde bucal

O Ministério da Saúde destinou R$ 85 milhões para construção de 45 Unidades Básicas de Saúde Fluviais para melhorar a assistência à população ribeirinha. A verba é destinada a cinco estados: Acre (3), Amazonas (21), Amapá (1), Pará (19) e Tocantins (1). Cada UBS custa cerca de R$ 1,88 milhão. As propostas foram aprovadas no mês de dezembro e a liberação dos recursos já foram publicadas no Diário Oficial da União (DOU) no mesmo mês. As Unidades Básicas de Saúde Fluviais (UBSF) são embarcações que comportam Equipes de Saúde da Família Fluviais (ESFF), providas com a ambiência, mobiliário e equipamentos necessários para atender à população ribeirinha da Amazônia Legal (Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e parte do Maranhão) e Pantanal Sul Mato-Grossense. Elas buscam responder às especificidades dessas regiões, garantindo o cuidado às suas populações como previsto na Política Nacional de Atenção Básica (PNAB). Para as comunidades distantes da Unidade Básica de Saúde de referência, as Equipes de Saúde da Família Fluviais adotam circuito de deslocamento, por meio de embarcações, o que assegura às comunidades assistidas a execução das ações de Atenção Básica. As equipes são compostas, minimamente, por um médico, um enfermeiro, um técnico de saúde bucal e um bioquímico ou técnico de laboratório. Em julho de 2016, o Ministério da Saúde liberou R$ 420 mil para custear a habilitação de equipes de Saúde da Família Fluvial nos municípios de Borba, Manaus e Manicoré, no Amazonas; Santarém, no Pará; e Cruzeiro do Sul, no Acre. As equipes intensificaram o trabalho realizado pelas UBSF, que hoje já atende cerca de 40 mil ribeirinhos nos estados do Pará, Acre e Amazonas. Neste último estado, os recursos foram aplicados na Atenção Básica da região para fortalecer o cuidado de 5.500 ribeirinhos que vivem em 18 comunidades na capital Amazonas. Entre 2011 e 2016, foram contempladas 64 propostas para construção de UBSF na Amazônia Legal, sendo 26 para o estado do Amazonas. O Ministério da Saúde tem como prioridade o fortalecimento da Atenção Básica, com capacidade para solucionar até 80% dos problemas de saúde da população, o que ajuda a desafogar os atendimentos em hospitais gerais e instituições habilitadas para serviços de média e alta complexidade. O número de Unidades Básicas de Saúde no Brasil também cresce a cada ano. Em 2010, havia 32.812 unidades. Hoje, são mais de 41.688 mil. Distribuição por UF

UF

Quantidade

AC

3

AM

21

AP

1

PA

19

TO

1

TOTAL

45

  Distribuição por município

UF

Município

Componente

Recurso

Valor total da proposta

AC

CRUZEIRO DO SUL

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AC

FEIJO

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AC

MARECHAL THAUMATURGO

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

AMATURA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

ANORI

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

BOCA DO ACRE

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

CAAPIRANGA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

CANUTAMA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

CODAJAS

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

EIRUNEPE

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

GUAJARA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

IPIXUNA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

ITAPIRANGA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

JAPURA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

JURUA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

MANAQUIRI

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

MARAA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

NOVA OLINDA DO NORTE

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

SANTA ISABEL DO RIO NEGRO

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

SAO SEBASTIAO DO UATUMA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

SILVES

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

TAPAUA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

URUCARA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AM

URUCURITUBA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

AP

MAZAGAO

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

ACARA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

AFUA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

ALENQUER

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

ALMEIRIM

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

ANAJAS

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

BAGRE

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

BELEM

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

CAMETA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

CURUA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

FARO

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

GURUPA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

ITAITUBA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

JACAREACANGA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

JURUTI

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

OBIDOS

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

OEIRAS DO PARA

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

PONTA DE PEDRAS

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

SAO DOMINGOS DO CAPIM

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

PA

TUCURUI

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

TO

ARAGUATINS

UBS Fluvial

Programa

R$ 1.889.450,00

  Por Carolina Valadares, da Agência Saúde
Atendimento à Imprensa
(61) 3315-3580 / 3533

Fim do conteúdo da página