Ir direto para menu de acessibilidade.

Movimento Vacina Brasil

    Você está aqui:
  1. Página inicial
  2. >
  3. Últimas notícias
  4. >
  5. Agência Saúde
  6. >
  7. Saúde e NIH abrem chamada para financiar pesquisas
Início do conteúdo da página

Saúde e NIH abrem chamada para financiar pesquisas

Escrito por alexandre.penido | Publicado: Quinta, 20 de Dezembro de 2018, 11h23 | Última atualização em Quinta, 20 de Dezembro de 2018, 15h19

Serão selecionados até dez projetos de parcerias entre pesquisadores brasileiros e norte-americanos

O Ministério da Saúde e o National Institutes of Health (NIH), dos Estados Unidos, abrem chamada para receber inscrições de pesquisadores brasileiros interessados em receber apoio para o financiamento de estudos em pesquisas biomédicas (modelos animais, secreções, tecidos, células e genes humanos) e clínicas (investigação em seres humanos). Ao todo, serão destinados R$ 22 milhões para até 10 projetos. Para participar da iniciativa, os cientistas brasileiros devem estabelecer parcerias com pesquisadores vinculados às instituições norte-americanas elegíveis mencionadas no edital. Cada proposta receberá US$ 175 mil anuais por um período de até quatro anos – prazo para conclusão das pesquisas.

As inscrições serão realizadas pelo sistema do NIH e estarão abertas a partir do dia 8 de fevereiro de 2019 e seguirão até o dia 8 de março. Os pesquisadores podem se inscrever e enviar carta de intenção, ou seja, um resumo da proposta de pesquisa e justificativa de participação para auxiliar na seleção aqui. A carta de intenções é facultativa.

Os pesquisadores interessados vão poder desenvolver pesquisas nos seguintes temas: HIV/Aids e comorbidades; arboviroses e patógenos emergentes e reemergentes; tuberculose; malária; biologia e controle de vetores; detecção e vigilância de doenças infecciosas; alergia, imunologia e transplantes; saúde infantil e desenvolvimento humano; doenças neurológicas e AVC; e ciências ambientais da saúde.

“A proposta é incentivar a intercambialidade entre pesquisadores dos dois países e, assim, aprofundar pesquisas sobre os temas propostos com foco em gerar soluções que sejam incorporadas ao SUS”, frisou Marco Fireman, Secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde.

AVALIAÇÃO DAS PESQUISAS

Todos os projetos inscritos serão avaliados pelo National Institutes of Health a partir de critérios como expertise dos pesquisadores, potencial de impacto dos projetos no campo da saúde de forma geral, a abordagem e o potencial de inovação. O instituto não estabelece critérios de titulação acadêmica para a submissão das propostas. 

O NIH é um órgão de desenvolvimento de pesquisas médicas do governo do Estados Unidos e integra o Departamento de Saúde e Serviços Humanos do país.

A colaboração entre o Ministério da Saúde e o NIH teve início em 2013, com o financiamento da Coorte Brasileira de Tuberculose (RePORT-Brasil). Em 2014, uma chamada de pesquisa em parceria com o NIH selecionou 19 projetos brasileiros sobre doenças infecciosas e imunologia para receber financiamento de R$ 5,5 milhões. Os resultados dos estudos financiados foram apresentados ao Ministério da Saúde em novembro desse ano, durante evento de renovação da parceria com o NIH.

Dúvidas podem ser esclarecidas aqui

Por Alexandre Penido, da Agência Saúde
Atendimento à imprensa
(61) 3315- 3580 / 2898 / 3315

Fim do conteúdo da página