Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

1° Seminário de Saúde Integral da População Negra acontece no município de Serra

Escrito por Leonardo | Publicado: Sexta, 23 de Março de 2018, 20h04 | Última atualização em Sexta, 23 de Março de 2018, 20h04

Município realiza atividade para a construção de comitês de equidade em saúde

Aconteceu entre os dias 21 e 22 o 1° Seminário de Saúde Integral da População Negra no município da Serra (ES). A atividade é uma realização da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, do Departamento de Promoção de Igualdade Racial e da Secretaria Municipal de Saúde em parceria com o Departamento de Apoio à Gestão Participativa e ao Controle Social da Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde (DAGEP/SGEP/MS).

Box Title

Crédito: Equipe DAGEP

1° Seminário de Saúde Integral da População Negra no município da Serra (ES)

Durante o evento, foram apresentadas as políticas de promoção da equidade em saúde (Política Nacional de Saúde Integral da População Negra, do Campo da Floresta e das Águas, de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais, em Situação de Rua e de Educação Popular em Saúde) e as formas de Controle Social na saúde aos profissionais de saúde, movimentos sociais e demais representações presentes. As discussões focaram principalmente nas necessidades em saúde do município e nas demandas das populações em situação de vulnerabilidades.

Além da apresentação das Políticas, o Seminário teve como principal objetivo o diálogo para a criação do Comitê Municipal de Saúde Integral da População Negra em Serra (ES), assim como a construção de comitês para as demais políticas de equidade em saúde.

A técnica da Política Nacional de Saúde Integral da População Negra do DAGEP, Dandara Baçã, em seu diálogo reafirmou a importância da construção de comitês de equidade em saúde. “Estamos trabalhando firmemente na implementação, avaliação e monitoramento da Política de Saúde da População Negra. Em paralelo, é preciso que os grupos se empoderem e se organizem para a criação desses comitês, o trabalho conjunto irá fortalecer as Políticas de Equidade, atuando em prol da melhoria do acesso aos serviços de saúde do SUS”, destaca.

Ao final do evento, os participantes elaboraram uma carta de proposições. Com o nome “Carta de Serra”, o instrumento remete os objetivos apresentados neste Seminário e firma responsabilidade com as áreas participantes.

Acesse o conteúdo da Carta de Serra

Por Caroline Oliveira, do Nucom SGEP
Atendimento à imprensa
(61) 3315-3580 / 3174 / 2918

Fim do conteúdo da página