Ir direto para menu de acessibilidade.

Sarampo mata. A vacina é a única maneira de prevenir a doença

    Você está aqui:
  1. Página inicial
  2. >
  3. Últimas Notícias
  4. >
  5. Notícias SGTES
  6. >
  7. Deges participa de formatura de alunos de cursos subsidiados pelo PRONON
Início do conteúdo da página

Deges participa de formatura de alunos de cursos subsidiados pelo PRONON

Escrito por André | Publicado: Segunda, 02 de Julho de 2018, 19h28 | Última atualização em Terça, 03 de Julho de 2018, 11h17

Formatura das turmas de Mestrado Profissional de Física Médica e de Qualificação Profissional para Técnicos em Radioterapia ocorreu na UERJ

Box Title

Foto: Divulgação/Nucom SGTES

1ª turma de Mestrado Profissional em Física Médica e da 4ª Turma do Curso de Qualificação Profissional para Técnicos em Radioterapia

O Departamento de Gestão da Educação na Saúde (Deges) participou, no último dia 21 de junho, no Rio de Janeiro, da cerimônia de formatura da 1ª turma de Mestrado Profissional em Física Médica e da 4ª Turma do Curso de Qualificação Profissional para Técnicos em Radioterapia, a convite da Fundação do Câncer e da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).

A formação desses profissionais está em consonância com o Plano de Expansão da Radioterapia do SUS e foi financiada pelo Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (Pronon), criado pela Lei nº 12.715/2012, com o objetivo de incentivar ações e serviços desenvolvidos por entidades, associações e fundações privadas sem fins lucrativos, que atuam no campo da oncologia e da pessoa com deficiência.

A coordenadora-geral de Ações Técnicas em Educação na Saúde (CGATES), Vanessa Rezende, participou do evento representando a Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES). Em seu discurso, parabenizou a dedicação dos alunos no processo de aprendizado e destacou a importância da formação da equipe que atua nesta temática tão sensível que é a oncologia. “O conhecimento é algo que, quanto mais se divide, mais se multiplica, se potencializa,” afirmou.

Na ocasião, ela lembrou que essa formação atende a uma demanda do Sistema Único de Saúde e ressaltou o comprometimento da Fundação do Câncer e de todos os alunos, oriundos de diversos estados do território nacional, durante toda a trajetória do aprendizado.

Os cursos de Mestrado Profissional em Física Médica e Qualificação Profissional para os Técnicos em Radioterapia foram desenvolvidos pela Fundação do Câncer, em parceria com a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA).

Por Amilton Marques, do NUCOM
Atendimento à imprensa
(61) 3315-3580/2968

Fim do conteúdo da página