Ir direto para menu de acessibilidade.
    Você está aqui:
  1. Página inicial
  2. >
  3. Saúde de A a Z
  4. >
  5. Doação de Órgãos
  6. >
  7. Central de Notificação, Captação e Distribuição de Órgãos e Tecidos (CNCDO)
Início do conteúdo da página

Central de Notificação, Captação e Distribuição de Órgãos e Tecidos (CNCDO)

Escrito por alexandreb.sousa | Publicado: Segunda, 15 de Maio de 2017, 14h44 | Última atualização em Terça, 25 de Setembro de 2018, 13h54

A Central de Notificação Captação e Distribuição de Órgãos e Tecidos (CNCDO) funciona nos Estados e no Distrito Federal. Nesses locais, há equipes especializadas e estabelecimentos de saúde autorizados para realizar diagnóstico de morte encefálica, retirada de órgãos e tecidos e transplantes e enxertos. Os hospitais notificam a central quando há falência da atividade cerebral irreversível e a família concorda em doar os órgãos do parente.

Veja algumas das atribuições da Central de Notificação Captação e Distribuição de Órgãos e Tecidos:

  • Coordenar as atividades de transplantes no âmbito estadual;
  • Inscrever os potenciais receptores, com todas as indicações necessárias à sua rápida localização e à verificação de compatibilidade do respectivo organismo para o transplante ou enxerto de tecidos, órgãos e partes disponíveis;
  • Comunicar ao órgão central do SNT as inscrições que efetuar, para a organização da lista nacional de receptores;
  • Notificar o órgão central do SNT sobre tecidos, órgãos e partes não aproveitáveis entre os receptores inscritos em seus registros, para utilização dentre os relacionados na lista nacional;
  • Exercer controle e fiscalização sobre as atividades

O Art. 10, Capítulo II, da Portaria nº 2.600/2009 define as regras para o credenciamento de uma CNCDO.

Fim do conteúdo da página