Ir direto para menu de acessibilidade.

Sarampo mata. A vacina é a única maneira de prevenir a doença

Início do conteúdo da página

Trabalho, Educação e Qualificação

Programa Telessaúde Brasil Redes

Escolas Técnicas do SUS

Escrito por Alessandra Bernardes | Publicado: Segunda, 23 de Abril de 2018, 13h44 | Última atualização em Sexta, 04 de Maio de 2018, 17h41

As escolas técnicas do SUS (ETSUS) são instituições públicas criadas para atender as demandas locais de formação técnica dos trabalhadores que já atuam, preferencialmente, nos serviços de saúde, acompanhando o processo de municipalização do SUS no Brasil. A origem das ETSUS remete ao Projeto Larga Escala, iniciado em 1985.

As ETSUS atuam no segmento da Educação Profissional, que engloba a formação inicial e continuada (antiga formação básica), os cursos técnicos e os tecnológicos. As escolas são, em sua maioria, vinculadas à gestão da Saúde — e não da Educação —, o que facilita a adoção dos princípios e diretrizes do SUS como norteadores da sua prática formativa. As que são vinculadas à Educação têm cogestão com o setor Saúde.

A principal especificidade dessas instituições é a capacidade de descentralizar os currículos, mantendo os processos administrativos centralizados. Para isso, utilizam as unidades de saúde como espaços de aprendizagem e qualificam pedagogicamente os profissionais de nível superior dos serviços para atuarem como professores. Além disso, adequam o currículo ao contexto regional e têm como modelo pedagógico a integração ensino-serviço, com sua concepção fundamentada na articulação entre Trabalho, Saúde e Educação, tendo o trabalho e a pesquisa como princípios educativos.

Centro-Oeste

Nordeste

Norte

Sudeste

Sul

registrado em:
Fim do conteúdo da página